domingo, maio 25, 2008

Meu Violão


MEU VIOLÃO
(Eloah Borda)

Só você meu violão
sabe dos meus sentimentos,
das alegrias e dores
que trago dentro do peito;
sabe dos meus dissabores,
alegrias e temores,
e das horas de solidão.

Só você meu violão
sorri e chora comigo
- entre nós não há segredos,
você sabe dos meus medos,
meus sonhos, minha paixão.

Só pra você eu desnudo
minh’alma, minha emoção,
suas cordas são afinadas
no tom do meu coração.

(D.A.Reservados)

GUITARRA MÍA

Sólo tú, guitarra mía,
sabes de mis sentimientos,
alegrías y dolores
que llevo dentro del pecho.
Sabes de mis sinsabores,
esperanzas y temores,
y de las y de las horas
de soledad.

Sólo tú, guitarra mía,
sonreís y lloras conmigo,
- entre tú y yo no hay secretos,
sabes muy bien de mis miedos,
mis sueños y mi pasión.

Sólo para ti desnudo
mi alma, mi emoción
- tus cuerdas son afinadas
en el tono de mi corazón.

((D.A.Reservados)

6 comentários:

Aprendiz disse...

Postei seu poema no meu blog ... gostei mto!! Parabéns!

Danilo disse...

Sensacional, também postei o meu, com o seu nome!

Luanna Oliveira disse...

amei o blog , tambem tenho um
fiz a pouco tempo . mais parabens!

Mah Girassol disse...

Amei vou postar no meu FAce o poema ok mto lindo

Nitah disse...

Adorei, postei no meu blog, pois era exatamente o que eu queria dizer e não encontrei tão belas palavras assim para representar meus sentimentos.
Xoxo

= D disse...

Achei lindooo o poema, por favor, queria copiá-lo e por em minha página da web
( www.nossaautoria.blogspot.com.br)
Achei muito lindo seu poema,
( claro que se você deixar, colocarei que Eloah Borda que fez :) ) (Eu toco sabe, e nunca tinha visto um poema que bate tanto com o que sinto quando eu toco...
Bom, se sim ou se não, saiba que amei o que li; parabéns pela genialidade.